Gerasa. Maravilha da Época Greco-Romana na Jordânia. Mercados da Antiguidade

O complexo está entre os cinco melhores conjuntos melhor conservados em todo o mundo. Envolvido pelas areias do deserto, durante terremotos devastadores, como o de 747 d.C., sofreu poucos danos. Suas colunas, abafadas pela areia, na maioria, permaneceram de pé. O hipódromo para mais de 10.000 pessoas só é superado pelo existente na Líbia e na Tunísia.

Geresa reúne construções greco-romanas, bizantinas e árabes, depois o tempo ocultou essas maravilhas até a sua redescoberta por cientista suíço.

A cidade já era importante pelo comércio durante a idade do bronze. A produção de cereais, de olivas e a extração do óleo traziam fortuna à Gerasa.

O grego era a língua do comércio, da comunicação entre nações, das elites, enquanto o aramaico era a linguagem utilizada pelo povo, pela plebe.

Trajano, imperador romano passou alguns meses em Gerasa, 139 d.C., repousando depois da sua campanha contra os partos. Monumento erigido pela comunidade recorda a sua passagem. Outro Arco de Triunfo, o principal, magnífico, construído com a prata saqueada, está em Roma.

A Jordânia é mencionada várias vezes na Bíblia, Aman, a capital, foi conquistada pelo Rei Davi. O profeta Elias nasceu por aqui. Os Evangelhos citam a passagem de Cristo pela região ,na sua ida para Jerusalém antes da crucificação.

.

Na parte central, característica das cidades romanas, encontramos o mercado de carnes, de pescados. Cada banca vendia um tipo definido: carneiro, gado, galinha…

Sistema de distribuição de água, eficiente e abundante, proporcionava a limpeza adequada, incluindo uma refrigeração do ambiente; canalizações de esgoto levavam os dejetos para longe.

Na avenida principal, as lojas comerciais estavam alinhadas, as de maior porte ocupavam dois andares, mezanino interno fazia a distribuição dos artigos vindos de todos os povos.

Em Amam, a capital da Jordânia, na parte antiga, o comercio atual parece ser mais confuso e barulhento do que ocorria há 2000 anos atrás.

É preciso pechinchar até encontrar o preço adequado, se o turista realmente estiver interessado nas compras.

Os séculos passaram, os compradores são outros, mas o procedimento comercial ainda permanece quase inalterado. Momento de recordar Sherazade e as 1001 noites.

Patrocínios:

detalhesdetalhes

Compartilhe

15 respostas para “Gerasa. Maravilha da Época Greco-Romana na Jordânia. Mercados da Antiguidade”

  1. Pingback: cialis 10mg
  2. Pingback: viagra100mg
  3. Pingback: naltrexone hcl
  4. Pingback: 100mg viagra
  5. Pingback: otc ed pills
  6. Pingback: erection pills
  7. Pingback: cheap ed pills

Os comentários estão desativados.